Quarta-feira, 4 de Abril de 2007

meridiano solar


...depois foi a Casa em ruína
a doutrina vulgar do mundo,
foi  silêncio a cada esquina;
apenas desconsolo, e neblina
no meridiano errado, o destino

de que névoa mais congela,
a torrente do conhecimento
entorpecido nas multidões,
embora numa forma singela
mais bela que o sol, ó Sol

e ninguém deixa de querer
conjugar o verbo renunciar,
privação e paz  no lugar certo,                      
o Vento a baloiçar sem ver
a paz que faz no deserto...



publicado por MateusVoltado às 22:47
link do post | comentar

.Julho 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
22
23
24

25
26
27
28
29
30
31


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.posts recentes

. meridiano solar

.arquivos

. Julho 2010

. Março 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Maio 2009

. Maio 2008

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Julho 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

SAPO Blogs